Filmes documentais são sempre uma fonte de conhecimento e partilha atractiva, mas a escrita continuará a ser o método rei para se contar uma... Para ler: 10 biografias essenciais
Black Sabbath

Filmes documentais são sempre uma fonte de conhecimento e partilha atractiva, mas a escrita continuará a ser o método rei para se contar uma história. A Metal Hammer Portugal sugere 10 livros biográficos, alguns deles narrados pelos próprios protagonistas.

-/-

Run to the Hills: Iron Maiden, the Authorized Biography (2001) (eBook)
Num livro assinado pelo conceituado Mick Wall, nesta obra, o escritor, para além de toda a pesquisa efectuada, falou individualmente com os membros de Iron Maiden para conseguir contar como tudo começou e, com todas as atribulações, como é que a Dama de Ferro chegou ao topo dos topos.

-/-

Lemmy, The Autobiography: White Line Fever (2002) (ebook)
Lemmy é sinónimo de excessos, mas também de conquista musical ao liderar os históricos Motörhead. Na sua autobiografia (actualizada após a sua morte em 2016), Lemmy envolve os seus fãs em histórias hilariantes, mas também ultrajantes.

-/-

Slash: The Autobiography (2007) (eBook)
«Pode parecer excessivo… Mas isso não significa que não tenha acontecido» é com o que nos deparamos logo na capa da autobiografia de um dos maiores guitarristas do rock n’ roll. Através de palavras do próprio, o membro dos Guns N’ Roses fala da ascensão e da reputação construída, mas também da queda alimentada a droga e álcool.

-/-

I Am Ozzy (2009) (eBook)
O adolescente John Osbourne da classe operária de Aston viria a tornar-se o incontrolável Ozzy. Primeiro vocalista de Black Sabbath e com uma belíssima carreira a solo na bagagem, o britânico conta a sua vida, que, como afirma, nem sempre foi bonita devido aos excessos e opções tomadas.

-/-

Black Sabbath: Symptom of the Universe (2011) (eBook)
Esta biografia assinada pelo requisitado Mick Wall conta como o sonho de quatro operários se tornou realidade, como é que os Sabbath descobriram que tinham sido aldrabados pelos seus agentes e como é que Don Arden os salvou. Como os Black Sabbath se viram livres de Ozzy Osbourne é outro momento de destaque neste livro de 2013.

-/-

Confessions Of A Heretic – The Sacred And The Profane: Behemoth And Beyond (2012) (eBook)
Apresentado em modo de resposta a perguntas feitas por amigos e associados, este livro representa as memórias de Nergal, líder dos Behemoth. Os seus confrontos com a igreja polaca e a sua luta para vencer a leucemia são momentos de destaque.

-/-

Bruce Dickinson: What Does This Button Do? – An Autobiography (2017) (eBook)
Colocado no papel de forma manuscrita numa primeira instância, Bruce Dickinson não só é o frontman dos Iron Maiden, como também é reconhecido como um dos maiores vocalistas da história do rock e do metal. Oferecida na primeira pessoa, esta biografia revela a criatividade, paixão e sentido de humor do britânico com foco na infância, nos anos em Iron Maiden, na carreira a solo, na família e na sua batalha contra o cancro.

-/-

Moonspell: Lobos Que Foram Homens (2018) (físico)
Ávido leitor de biografias e estudioso da música, Ricardo S. Amorim assina a biografia da maior banda portuguesa de metal ao dissecar uma carreira de mais de 25 anos feita de riscos e conquistas, e em que se revelam factos até aqui inteiramente desconhecidos do público.

-/-

The Death Archives: Mayhem 1984-94 (2018) (físico)
Numa linguagem simples e directa, Necrobutcher desfralda, ele próprio, os 10 primeiros anos dos controversos e pioneiros do black metal Mayhem. Numa bonita edição, a obra inclui um vasto conjunto de fotografias, muitas delas nunca antes reveladas ao grande público.

-/-

No Celebration – The Official Story of Paradise Lost (2019) (físico)
Ao longo de 300 páginas compostas por 17 capítulos, David E. Gehlke convida-nos a explorar a carreira dos Paradise Lost, banda inglesa pioneira do death/doom metal que integrou um triunvirato inovador com My Dying Bride e Anathema.