É com "Piles Of Corpses" que os holandeses Grim Fate dão início ao debutante "Perished In Torment", um tema que não deixa margem para... Grim Fate “Perished in Torment”

Editora: Xtreem Music
Data de lançamento: 07.04.2020
Género: doom/death metal
Nota: 3/5

«Os fãs de death metal fúnebre não quererão perder isto por nada.»

É com “Piles Of Corpses” que os holandeses Grim Fate dão início ao debutante “Perished In Torment”, um tema que não deixa margem para dúvidas quanto ao que nos espera em termos de produção. Ao longo de todo o disco, as guitarras assumem-se como o elemento mais rico, preenchendo toda a estrutura musical e não baixando a guarda por um momento que seja, exteriorizando um som ruidoso e robusto. A secção rítmica assume um papel secundário, quase de fundo, mas que oferece um enquadramento importante para o domínio das guitarras, assinalando a sua presença através de um eco que alterna entre momentos arrastados e funestos até à agressividade psicótica do death metal.

É em “Abominations”, já na segunda metade do disco, que registamos um aumento da potência, depois com o tema-título a ganhar uma camada extra de distorção com o baixo. “Perished in Torment” culmina com “The Final Day”, uma faixa com mais de dez minutos de duração que mostra que os Grim Fate são capazes de nos surpreender, ao apanharem-nos desprevenidos com alguma melodia e acrescentando assim um toque avantgarde a um registo monstruoso. Os fãs de death metal fúnebre não quererão perder isto por nada.