Os australianos absorveram tudo o que aprenderam e criaram uma poção letal que irá surpreender. Depravity “Grand Malevolence”

Editora: Transcending Obscurity Records
Data de lançamento: 04.12.2020
Género: death metal
Nota: 4/5

Os australianos absorveram tudo o que aprenderam e criaram uma poção letal que irá surpreender.

Formados há menos de cinco anos, os australianos Depravity começaram bem quando em 2018 lançaram o bem-recebido “Evil Upheaval”. Agora, neste final de 2020, a banda de death metal leva as coisas ao próximo nível com “Grand Malevolence”, que tem data de lançamento a 4 de Dezembro pela Transcending Obscurity Records.

Ao longo de 11 faixas devastadoras, a banda de Perth, no Oeste da Austrália, apresenta-se tecnicamente evoluída através de composições que nos auferem uma brutalidade esmagadora executada com velocidade e precisão.

Cada tema pode muito bem ser um atestado da melhor expressão que o death metal moderno possui, havendo a ala técnica, brutal e até mesmo partes progressivas projectadas à volta do estilo sombrio e violento pelo qual os Depravity têm vindo a ser conhecidos e reconhecidos.

Designado pela promoção como um tour de force, “Grand Malevolence” precisa dos ouvidos mais atentos para ser compreendido plenamente devido à sua meticulosidade e intensidade, mas é essa atenção dedicada que fará deste disco uma das obras-primas de 2020, uma prova de que os Depravity estabeleceram para si mesmos padrões elevados, respeitando sempre as bases mas sem nunca se obrigarem às restrições das tendências. Em suma, estes australianos absorveram tudo o que aprenderam e criaram uma poção letal que irá surpreender.