Drabikowski sobre Krysiuk: «Arruinou o nome Batushka»
Numa recente entrevista concedida à Dark Art Conspiracy, Krzysztof Drabikowski (Батюшка) faz uma actualização do processo legal que está a decorrer entre si e Bartłomiej Krysiuk (Batushka). «Quase nada aconteceu. O tribunal tentou evitar ler todas as evidências e ordenou-nos a fazer uma mediação. Portanto, tive de ouvir todas... Ler mais
Henri Sattler (God Dethroned): «As pessoas transformam-se em porcos quando se escondem atrás da religião»

Quem segue God Dethroned há muitos anos – digamos, pelo menos, há 15-20 anos –, está ciente das diferentes fases da banda, desde os conceitos satânicos aos temas da Primeira Guerra Mundial.

Ler mais
Berzerker Legion: Legião do death metal melódico
Os Berzerker Legion foram fundados em 2016 pelos guitarristas Tomas Elofsson, dos Hypocrisy, e Alwin Zuur, dos Asphyx. Com o objectivo comum de criar death metal beligerante, foram recrutados músicos extraídos de nomes bem sólidos da cena metal mundial, como James Stewart (Vader, bateria), Jonny Pettersson (Wombbath, vocais) e... Ler mais
Deftones: as confissões de Chino Moreno

Chino Moreno tinha apenas 15 anos quando os Deftones se formaram, mas de alguma forma passou pelos anos 1990 sem ser preso…

Ler mais
Alessia Scolletti (Temperance): «Somos guiados pela essência da música e pela sua criação, nada mais importa»

A vocalista Alessia Scolletti falou com a Metal Hammer Portugal sobre criatividade ser a imagem de marca da banda, o salto para a Napalm Records e a digressão com Tarja que passa por Lisboa em Março de 2020.

Ler mais
Tamás Kátai (Thy Catafalque): «Sempre gostei de pensar em escrever música como pintura»

“Naiv” é a nova proposta de Thy Catafalque, projecto avant-garde metal de Tamás Kátai.

Ler mais
Marko Hietala: «O disco é uma montanha-russa que nos leva a um mundo de emoções fortes e sentimentos profundos!»

Marco Hietala – ou, neste caso, Marko Hietala – não é um nome desconhecido. A sua carreira começou ainda nos anos 1980 com Tarot, mas foi com Nightwish, na entrada do Séc. XXI, que o baixista e vocalista de cabelos de ouro ganhou fama.

Ler mais
Tamás Kátai (Thy Catafalque): «”Naiv” é como uma fuga à dureza urbana e ao aperto sufocante da realidade»

“Naiv” é a nova proposta de Thy Catafalque, projecto avant-garde metal do húngaro Tamás Kátai.

Ler mais
Porta Nigra: «”Schöpfungswut” é como um grito primitivo»

Decadentes e fatalistas, os Porta Nigra entram em 2020 com uma sonoridade diferente da vanguardista executada em álbuns anteriores. Assim, com “Schöpfungswut”, os alemães prestam tributo às suas raízes com um black metal mais directo e circular, mas sempre repleto de atmosfera e melodia. A Metal Hammer Portugal falou com o guitarrista/letrista Tobias (aka Gilles de Rais) que nos esclareceu o porquê desta nova abordagem, assegurando que os conceitos perversos e degenerados não foram perdidos.

Ler mais
[Exclusivo] Don Anderson (Agalloch) recorda os EPs “The Grey” e “The White”
Os saudosos Agalloch tiveram uma carreira notável entre 1995 e 2016, deixando um legado composto por álbuns como “Pale Folklore” (1999), “Ashes Against the Grain” (2006) ou “Marrow of the Spirit” (2010). Entre esses e outros LPs, os norte-americanos também lançaram dois EPs experimentais com sonoridades afectas ao post-rock... Ler mais