No meio de toda esta mixórdia, encontram-se alguns aspectos positivos e outros não tanto. “Abandon All Faith” é um disco com um sabor agridoce,... Strigoi “Abandon All Faith”

Editora: Nuclear Blast
Data de lançamento: 22.11.2019
Género: black/death metal
Nota: 3/5

Strigoi é o novo projecto do icónico guitarrista dos Paradise Lost, Greg Mackintosh (voz e guitarra), que no ano passado colocou de lado o seu outro grupo Vallenfyre. Neste álbum de estreia, Greg conta com Chris Casket (baixo) e Waltteri Väyrynen (bateria), ambos músicos que pertenceram à line-up dos Vallenfyre.

Este primeiro registo é essencialmente uma fusão de death com black Metal, com toques de crust-punk, industrial e até alguns elementos de grindcore. A produção é em grande parte bastante orgânica e as performances criam um groove incrível em certas músicas, como é o caso de “Seven Crowns” ou “Parasite”. O estilo e o som da guitarra de Mackintosh, a par com a sua voz, são inconfundíveis, e estão bem marcadas mais uma vez. As linhas de baixo são sólidas e a bateria de Väyrynen é bastante energética (quando tem que ser), e por vezes até que surpreendente no bom sentido. Ainda que o álbum tenha estes aspectos positivos, nem tudo é um mar de rosas. Ao ouvir este disco pelas primeiras vezes, ficamos com a impressão de ser um pouco monótono. Especialmente a segunda metade, visto que na primeira, ao ouvir “Abandon All Faith”, até que se começa a entender um pouco melhor o conceito do álbum. “Enemies Of God” e “Scorn Of The Father são faixas incrivelmente monótonas e previsíveis, que não adicionam nada ao disco. O último tema é mais de seis minutos simplesmente aborrecedores, com falta de criatividade, que no final de contas não fica a deixar muita saudade.

No meio de toda esta mixórdia, encontram-se alguns aspectos positivos e outros não tanto. “Abandon All Faith” é um disco com um sabor agridoce, visto que se esperava um pouco mais de Greg Mackintosh e dos restantes membros. A par disto existem algumas ideias bastante interessantes, que vão deixar alguns ouvintes satisfeitos, apesar de grande parte já terem sido exploradas por outras bandas neste espectro do metal extremo.