Em 2016, Mike Williams, vocalista dos EyeHateGod, pioneiros da cena NOLA (onde se inclui também Down e Crowbar), viveu um momento... Mike Williams (EyeHateGod): «Estava preparado para morrer»

Em 2016, Mike Williams, vocalista dos EyeHateGod, pioneiros da cena NOLA (onde se inclui também Down e Crowbar), viveu um momento muito delicado da sua vida. Com uma cirrose, para sobreviver tinha de passar por um transplante de fígado, o que se concretizou positivamente no final desse ano.

Em declarações à Metal Hammer Portugal, o norte-americano confessou que «estava preparado para morrer». E continua: «Estava mesmo mais para lá do que para cá, estava praticamente morto. Mas não acho que haja uma razão para se ter medo da morte, vai acontecer a todos. Não entendo as pessoas que têm muito medo da morte, porque vai acontecer a todos. Só temia o facto de os médicos e cientistas não descobrirem nada que me ajudasse a lidar com a doença, mas felizmente não tive de lidar com isso, e ainda aqui estou e agora estou muito saudável.»

Com uma recuperação relâmpago alcançada em apenas quatro meses, Mike Williams, que sobreviveu a uma cirrose mortal e a 72 agrafos na zona corporal onde o abriram, regressou aos palcos rapidamente com os EyeHateGod a percorrem o globo nos anos seguintes ao mesmo tempo que começavam a compor “A History of Nomadic Behavior”, novo álbum que será lançado a 21 de Março de 2021 pela Century Media Records.