Formado recentemente, o projecto de Lufeh é uma lufada de ar fresco para o metal/rock progressivo mais ortodoxo. Riffs potentes, teclados... Lufeh: bagagem feita para escapar

Origem: EUA
Género: prog rock/metal
Último lançamento: “Luggage Falling Down” (2020)
Editora: independente
Links: Facebook | Instagram

Formado recentemente, o projecto de Lufeh é uma lufada de ar fresco para o metal/rock progressivo mais ortodoxo. Riffs potentes, teclados sci-fi, bateria exótica e repleta de múltiplos ritmos. Excelente proposta para combater a normalidade musical.

«Um álbum muito motivador e edificante.»

A proposta: «A ideia deste lançamento foi do Lufeh [bateria]. Ele queria montar um supergrupo com os melhores músicos que conhecia e a melhor mistura de personalidades que conseguia imaginar. O vocalista foi o último que teve de encontrar – trouxe o Dennis a bordo e percebeu imediatamente que o objectivo principal tinha sido alcançado. Tudo o que tivemos de fazer foi gravar e fazer um vídeo, que foi executado extremamente bem. Para além disso, o que falta é tocar ao vivo pelo mundo. Se as pessoas gostarem, teremos de fazer outro álbum.»

Conceito: «Diria que, musicalmente, é uma excelente combinação de cada um dos compositores envolvidos. Há influências de metal, jazz e pop, e performances cintilantes que se adequam aos músicos, o que se torna divertido e inspirador. As letras encorajam fé na natureza infinita do universo, reformulam uma situação fria ou solitária em possibilidades e potencial. Isso encaixa-se perfeitamente com a música, fazendo com que o álbum seja muito motivador e edificante. Lembro-me de quando terminámos, ouvíamos tudo quase todos os dias durante semanas, talvez meses.»

Referências: «As nossas influências são claramente Dream Theater, Rush e Yes, mas, definitivamente, há algo mais que não soa a nenhuma dessas bandas… Talvez isso venha de algumas das músicas que os outros rapazes ouvem lá na América do Sul.»

Review: Uau! Simplesmente uau! Esta banda norte-americana tem tudo o que é preciso para que um projecto de metal/rock progressivo mais tradicional funcione na sua plenitude. Riffs pujantes e intrincados q.b., baixo altamente presente e trabalhador, vozes amplas e afinadas, teclados que inserem um aroma sci-fi e bateria repleta de polirritmos exóticos. Formados recentemente e já com um álbum de alto gabarito, esta novidade possui uma força muito particular apta a cativar os amantes deste tipo de sonoridade sem pestanejar. Conclusão: magistral!